segunda-feira, 23 de abril de 2012

As cem linguagens

video


AS CEM LINGUAGENS DA CRIANÇA
Loris Malaguzzi


A criança
é feita de cem.
A criança tem cem mãos
cem pensamentos
cem modos de pensar
de jogar e de falar.


Cem, sempre cem
modos de escutar
de maravilhar e de amar.
Cem alegrias
para cantar e compreender.
Cem mundos
para descobrir.
Cem mundos
para inventar.
Cem mundos
para sonhar.


A criança tem
cem linguagens
(e depois cem, cem, cem)
mas roubaram-lhe noventa e nove.
A escola e a cultura
lhe separam a cabeça do corpo.
Dizem-lhe:
de pensar sem as mãos
de fazer sem a cabeça
de escutar e de não falar
de compreender sem alegrias
de amar e de maravilhar-se
só na Páscoa e no Natal.


Dizem-lhe:
de descobrir um mundo que já existe
e de cem roubaram-lhe noventa e nove.


Dizem-lhe:
que o jogo e o trabalho
a realidade e a fantasia
a ciência e a imaginação
o céu e a terra
a razão e o sonho
são coisas
que não estão juntas.


Dizem-lhe enfim:
que as cem não existem.
A criança diz:
Ao contrário, as cem existem.


Loris Malaguzzi foi pedagogo e educador, nos leva através deste poema a refletir sobre nossas ações enquanto educadores, quais métodos "tradicionais" obrigamos nossas crianças a aceitarem passivamente, quantas mentes estão sendo bloqueadas de pensar, criar e imaginar. É lendo o mundo em todas as suas linguagens que a criança passa a decodificar a vida e não apenas as palavras. Isso só muda quando os educadores mudarem as suas posturas, deixarem de lado seus egos de detentores do conhecimento e passarem a ouvir mais do que falar com as crianças.




“Arte significa ter mais linguagens e mais linguagens significa diferentes formas de representar o Mundo. Queremos que as nossas crianças tenham mais do que uma imagem acerca de uma coisa… Quantas mais formas de linguagem se introduzirem (musica, dança, drama, pintura, etc.) mais rica a escola será”
(FORMOSINHO, Júlia Oliveira (2007) Modelos curriculares para a educação de Infância, PORTO, porto editora, pág. 108)


Um comentário: